Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2009

Feliz 2010!

Que neste próximo ano, eu saiba dosar o tempo de meu cotidiano para buscar novos desafios, traçar novas metas, cumprir os compromissos assumidos, brincar, passear e amar, trabalhar com capricho, ver a família, conversar com os amigos, fazer trabalho voluntário, malhar, beber e comer [moderadamente, claro], inovar e escrever nos blogues, sempre que der vontade e tiver novidades. Ah, e sorrir!
Amigos: que seja um ano de Saúde, Parcimônia, Sexo seguro, Responsabilidade, Carinho, Trabalho, Dinheiro, Atenção, Conhecimento e Amor. Muito amor e pouca, mas quase nada de violência. E aos inimigos; também. O melhor que puderem ter nessa vida. Beijo no coração Feliz 2010!

Diário Dietético:

Recessode final deano

Em boca fechada não entra mosca. E nem churrasco de costela gorda, chocolates, ambrosia, chocotone com doce de leite, bombons, chopes, cervejas de diversos tipos e sabores, pastéizinhos, clericot, arroz e feijão, salada de frutas, água tônica de litrão, suco de pitanga [meu novo vício] e xis.
Eu sabia que nesse Natal e Reveillon eu iria enfiar o pé na jaca. Só espero que a os 14 dias de fome que passei, contenha meu metabolismo - de verdade. Por que a gula já não tenho mais limites.
Agora é só esperar terminar o recesso de final de ano da academia, para voltar correndo para a esteira e pros ferros. Com dó e dor, certo!

Então... Era Natal!

Minha árvore de Natal


“A gente ri, a gente chora
E joga fora o que passou.
A gente ri, a gente chora
E comemora o novo amor.”

Poucos dias longe do Cor de Rosa e tantas coisas do meu cotidiano para contar. As chorumelas e cantorias são tantas que nem sei por onde começar. Ou melhor, já sei: “Estava em casa!” Ou seja, aportei na cidade mais alegre do Rio Grande do Sul e que toma conta do meu coração pela manhã de quinta, 24. Mesmo com 1h30 de atraso, e depois de várias paradas na madrugada, sabe-se lá com qual finalidade, lá estava eu, no lar dos Barcellos de Araújo, vivenciando o cotidiano da grande família.

Todos vocês sabem que sempre me emociono quando chego em casa. Mal vejo as luzes da cidade acesas e as lágrimas tomam conta de mim, já de longe na Avenida Castelo Branco. Meu amor por essa cidade é tão grande que sempre choro quando estou nesse ponto. Dessa vez foi diferente. Eu chorei e muito com sempre, com aquele misto de saudade e de retorno aos afetos, porém, em sonho. Estava tão c…

Abusado

Esse é um romance que sempre quis ler. O autor de Rota 66 me impressionou tanto na faculdade que passei a admirá-lo. Mesmo que antes, Caco Barcellos já tivesse que aprisionado com seu trabalho na tevê. Tinha orgulho de termos o mesmo sobrenome, que além de ter origem francesa, é chique demais.

Pena é que o Caco tenha ficado abusado e esteja a frente desse programinha ½ boca que é o Profissão Repórter. Depois de ser instigada por "Rota 66" e querer ler o livro que revela como pensam e agem os criminosos que impõem o terror no Rio de Janeiro, venho desanimando a cada semana quando aquele programa da Globo vai ao ar. O best-seller "Abusado: O Dono Do Morro Dona Marta", da Record, já não me parece tão atraente assim. E ele, aos poucos perde o brilho e, quem, também deixará de ser o consagrado jornalista

Ainda bem que tenho outros interesses. Um deles é Para Francisco, da Cristiana Guerra que mantém três blogues muito bacanas [hoje vou assim e amor e ponto - veja os links…

Diário dietético:

Eu, no muro das lamentações


Vou me lamentar tanto que o muro pode até cair...

Aquele dito popular: a gente dá a mão e o abusado vai logo pegando o braço, não me sai da cabeça depois de ler alguns comentários aqui no blogue. Especificamente os da Jane e do Hakime. Na verdade, penso que assim está me saindo a abusada da Jana. E do Hakime [Ali Baba para os mais íntimos] também. Fiz um post na madrugada de segunda e já dizem que não venho mais aqui só por que estou de dieta. Não, não!

Estou de dieta, mas não morta, embora a falta de cacau me dê a sensação contrária. Percebi isso hoje, quando analisei minha segunda-feira e percebi que não fui forte o suficiente quando ataquei um chocolate meio-amargo, horroroso, que está no meu armário. Quatro quadradinhos e pensei que estivesse curada da minha crise emocional. Que nada!

Hoje, bem no meio dela, me senti mais cansada. É difícil lidar com pessoas, principalmente quando elas são descaradas e usam de má fé tentando reverter a situação em seu benef…

Deixo a vida me levar. Só isso!

Confesso que sou de origem pobre
Mas meu coração é nobre
Foi assim que Deus me fez!



É uma das poucas músicas que me define muito bem. Além de tudo, está no sangue a melodia. Não poderia ser diferente, talvez. E como sempre digo: Se pudesse escolher como, onde e em quais condições sócio-econômicas; nem piscaria. Diria sim a fórmula original.

Aos trancos e barrancos lá vou eu
Sou feliz e agradeço
A tudo que Deus me deu.

3x1

Ele descasca, rala e fatia. Pelo menos foi o que o velhinho de mais ou menos 70 anos, explicou e demonstrou na barraquinha na esquina da ponte. Cinco minutos em frente dele, vendo fazer até bolinhas de batata - após descascá-la, claro -, cortar repolho e ralar cenoura e pensei que estava craque.
Paguei os R$ 5 pelo objeto valiosíssimo de cozinha, escolhido a dedo, pensando que o acessório iria ser revolucionador na minha vida. Agora me diz: por que eu só consigo ralar cenoura e beterraba com o negócio?

Diário Dietético: Estreia!

Pra abrir o diário sobre minha dieta escolhi um tema bem leve, mas que tem que pegar pesado. Malhação! Não há dieta nesse mundo que dê resultados sem uma dose, digo, um programa de exercícios aeróbicos. Como estou bem compenetrada no meu regime, não poderia deixar de lado esse lance de puxar ferro. Nem que seja por dez dias.

Pois pasmem todos: estou freqüentando uma academia e puxando ferro [isso aí Rorrou, além de fazer dieta, estou malhando]. E como conseqüência do primeiro dia de academia, estou com a bunda dolorida de tanto que malhei hoje. Uma hora de exercícios, mais meia hora de avaliação e conversês e cá estou eu, sem forças nem pra tomar banho. E pior, já com os músculos reclamando do esforço extra.

Na verdade, tudo isso vocês sabem para quê? Pra entrar numa roupa de banho duas peças novamente. Ai, nem sei se conseguirei ir à praia, mas que o sunquinão verde vai entrar de nesse corpão novamente, ah, isso vai. Nem que para isso tenha que cumprir várias séries de abdominais, pern…

Amanhecer

É. Por pouco não amanhece lendo mesmo. Depois de contatar todos os fanáticos conhecidos pela saga dos vampiros, comprei o quarto livro. Desde sábado passado que eu havia terminado Eclipse e estava ansiosa para saber quando a chata da Bella Swan ia dar para o sanguessuga.

Para variar, comecei a ler tarde. Depois das Cinquentinhas para ser mais exata. Gosto de ver a Marília Gabriela atuando. Ela é naturalmente artificial na telinha e isso me encanta. Ou seja, muito técnica. Isso que dá jornalista querer dar uma palhinha como atriz. Não dá certo! Mas gosto.

Resumindo, a minha análise de que essa saga não se trata de uma história de vampiros se confirmou com Amanhecer. O livro é dividido em três partes: Bella, Jacob e Bella [de novo...]. Isso me chamou a atenção, digo, o fato da autora ter escrito em três “tomos”, embora a sequência dos capítulos seja contínua, ininterrupta.

Bom, quis terminar a primeira parte ontem, que tinha apenas 98 páginas, mas a responsabilidade de ter que acordar cedo…

Sim, estou de dieta - ainda!

Dizem que as pessoas vão se desenvolvendo com o passar dos tempos. É o progresso, o crescimento individual, pessoal, interpessoal. Eu estava crescendo demais nos últimos tempos. Mas para os lados. Daí não dá pra ser feliz, quando se pega uma peça de roupa, comprada há pouco mais de três míseros meses e ver que ela está justa na cinturinha de miss Orca.

Pois só o pensamento de que teria que comprar roupas, aliás, procurar roupas de verão novamente, com peças semi-novas no guarda-roupa me fez dar um basta. Foi quase como fiz com o cigarro. “O quê? Vai subir de novo? Vou parar!” Sem falar que ficava ofegante ao caminhar e conversar ao mesmo tempo. Com a obesidade está sendo quase que o mesmo processo: chega de sentir os joelhos rangendo, coisa que nunca tinha sentido antes, ao subir uma rua, de usar jeans justos e mandar confeccionar roupas.

Por isso que adotei uma dieta radical. Preciso emagrecer urgentemente uns 15 quilos. Essa é a meta. Nem que tenha que passar o verão em restrição alim…

O filho do meio

Deus disse: desce e arrasa... Pior que é mais ou menos assim


Eu te desejo não parar tão cedo pois toda idade tem prazer
e medo e com os que erram feio e bastante
que você consiga ser tolerante

Quando você ficar triste
que seja por um dia e não o ano inteiro
e que você descubra que rir é bom
mas que rir de tudo é desespero



mano velho tirando um cochilo ou descansando os olhos
Eu desejo!
Que você ganhe dinheiro
Pois é preciso
Viver também
E que você diga a ele
Pelo menos uma vez
Quem é mesmo
O dono de quem...
FelizAniversárioMANO

(Em 2008)

Oxum

Deusa dos rios, Oxum carrega consigo predicados de beleza, riqueza e projeção social. É uma ninfa da cultura Yoruba, cidade Oshogbo, na Nigéria, que está localizada as margens do Rio Oxum. Ela é dona do ovo, a maior célula viva. Na cultura Gêge-Vodú é conhecida como Aziri Tobossi.
Conta-se que quando os orixás chegaram à Terra, costumavam-se reunir sem a presença das mulheres. Aborrecida por não poder participar das deliberações, Oxum preparou sua vingança, trazendo a esterilidade às mulheres. Os orixás buscaram ajuda de Olodumaré, que explicou que sem a presença de Oxum nada poderia dar certo. Dengosa, ela demorou a aceitar o convite para que participasse das reuniões, mas finalmente concordou e a fecundidade voltou.

Dia da Semana: Sábado Cores: Amarelo ouro Comida: Feijão fradinho com cebola e camarão (omolocum) Saudação: Leu, Orixá Firemam, Axé! Domínio: Água doce, Rios e Cachoeira

Fonte: Sociedade Yorubana Teológica de Cultura Afro-brasileira

Sim, estou de dieta!

Por 15 dias tentarei deixar de lado minha nova personalidade: esfomeada, mal humoradae desesperada.
Agora vou dormir pra ver se essa cratera que tem no meu estômago passa. Amanhã eu começo o diário de bordo. Se sobreviver até lá...

Nós agradecemos!

O Shazan é um gato pop. Mas tão popular, que primeiro as pessoas o conhecem, sabem seu nome, onde ele mora, para depois se designarem a minha como sua "ama".
Já até ouvi a presidente da Associação Catarinense Protetora dos Animais - Seção Videira - falar sobre o baby, sobre como o conheceu.
- Que o mimi bonito aquele de cima do telhado. Falou ela pra sobrinha, que lhe respondeu:
- Aquele é o gato da jornalista. E a réplica:
- Ah, então esse que é o Shazan?!
Meu nome? Pra que? Afinal, o importante mesmo é que as pessoas gostam do Shazan. Foi por esse carinho todo que os amigos, os conhecidos e os desconhecidos (nem tanto assim, afinal, amigo virtual se inclui em outra esfera) e dos votos de recuperação para o baby por e-mail e orkut também, que eu e ele agradecemos.
O bicho já esta bem melhor. Tanto, que já briga comigo por deixá-lo ainda de repouso. Tanto que tenta fugir quando vê o portão aberto. Mas tanto, que me acorda antes das 7 horas da matina, só para pedir pra sair. N…

Miauuuuu...

Me dá uma dor no coração... Meu baby está doente. Ele deve ter sofrido algum acidente, como disse o médico, enquanto fazia seu passeio noturno. Agora ele está aqui em casa, sendo medicado e em observação.

Cada vez que ele precisa fazer xixi ou cocô, levanta-se com dificuldade de sua almofadinha ou do tapete e vai para a caixinha de areia. Ele caminha, quase se arrastando, de tanta dor que sente. O meu gatinho, tão meigo, safado e peludo, deve ficar uma semana nessa agonia.

Daí fico pensando: Porque eu não o prendo em casa? Sempre!!! As pessoas ficam admiradas quando o vêem na rua, saltitando dia e noite. Assim que ele é feliz... Mas seus momentos de prazer dessa vez resultaram em sua tristeza. O médico acredita que ele deve ter sido atropelado, embora isso seja pouco provável devido a agilidade do bichano, ou então, pulado em algum lugar, onde um objeto pesado tenha caído sobre ele, o que é bem comum com gatos.

Mas seja lá o que for, quero meu baby serelépido de volta. Faceiro. Caçando p…

Roletrando: Preta 36

Sinto-me como num jogo de roleta. Tenho 35 anos, mas já assumi os 36. Não consigo me desvencilhar desse número. É como se os 35 não estivessem acontecendo ou já passou. O número pelo menos é bonito. 36. Preta, 36. Até parece mesmo que a bolinha está rodando, pipocando na roleta bicolor, ameaçando parar no 35, mas, no último suspiro, fica mesmo é no 36.

Creio que seja a minha preocupação indireta com a meia idade. Afinal, faltam menos do que cinco anos para os 40, a tal idade da Loba. Mas eu sou gente. Nasci gente, embora a paixão por animais e o desejo em reencarnar felina ou borboleta. Cachorro não. É um bicho muito dependente, sentimental demais. Desse jeito basta a minha forma atual, a minha espécie, que sempre depende de uma coisa e outra e, alguns, em nome do amor chegam até a matar o próximo.

Hoje, em excepcional, me sinto mais cansada do que os outros dias. Talvez seja porque o Shazan passou a noite fora de casa e chegou no meio da manhã, rengueando das patas traseiras. Tive um s…

Não compre! Adote.

A nova campanha do PETA (People for the Ethical Treatment of Animals), que mostra a ex-coelhinha da Playboy Joanna Krupa nua, com asas de anjo, auréola e um crucifixo gigante tampando seus seios e genitália, enfureceu a igreja católica.
A foto angelical foi usada pela entidade de proteção aos animas, para promover a campanha de adoção de animais abandonados, e tem como slogan a frase: "Seja um anjo para os animais. Nunca compre, sempre adote".
Mas, a Igreja não gostou, mesmo que a campanha seja para proteger seres vivos indefesos.
O PETA faz campanhas controversas e chocantes, porque seu objetivo é chamar a atenção do maior número de pessoas possível. Mas, por mais bem-intencionada que seja a causa, ainda pode ser criticada.
A Igreja alegou que a entidade usou imagens de cunho religioso de forma totalmente inadequada.
“Esta é mais uma ocorrência de desrespeito para com a cristandade e outro exemplo de abuso que não deveria ocorrer com qualquer religião, porque a reação será imedi…

A primogênita

Eu te desejo não parar tão cedo

pois toda idade tem prazer e medo

e com os que erram feio e bastante

que você consiga ser tolerante


Quando você ficar triste

que seja por um dia e não o ano inteiro

e que você descubra que rir é bom

mas que rir de tudo é desespero




Eu desejo! Que você ganhe dinheiro Pois é preciso Viver também E que você diga a ele Pelo menos uma vez Quem é mesmo O dono de quem...


FelizAniversárioMANA