segunda-feira, 14 de julho de 2014

A Copa 2014 é minha!


A Copa 2014 é minha! Ao menos o bolão na firma. Meus palpites, exclusivamente meus, me levaram ao primeiro lugar desde o início.

Tentei obter alguma vantagem, me aconselhando com homens, amantes do futebol, mas me equivoquei. As duas indicações me levaram ao segundo lugar nas Oitavas. Então, percebi, que homens são emotivos demais quando se trata de sua maior paixão: o futebol.

Por isso tomei a fronteira com minhas próprias impressões. Ouvia comentários esportivos e assistia aos jogos para analisar melhor, e apostar na tendência com maior probabilidade. Fui racional, como toda mulher é quando toma decisões. E não apostei no Brasil.

Nossa seleção não estava preparada emocionalmente e nem tecnicamente. Isso foi notório em todas as partidas. E, convenhamos, chegamos longe demais. Por isso, poupei minha humilde aposta de R$ 10 e, ao final, acabei faturando R$ 70.

É. Definitivamente, a Copa 2014 é minha. Minha e da Alemanha, claro.

Nenhum comentário: