quarta-feira, 2 de janeiro de 2013

Feliz 2013!

Meu amor está aqui, no aconchego materno. Com ela que aprendi a ter forçar e a lutar. É com ela que agora eu aprendo a ter benevolência e paciência. Aos poucos vou entendendo e assimilando no meu cotidiano, na minha vida. É por ali que que aqui estou e não me arrependo disso.

Meu amor de mãe que está sempre ao meu lado e que me apóia e me protege e me ama incondicionalmente. Nada mais natural do que estar ao seu lado na troca de ano, para que permaneçamos juntas por mais 365 dias.

A felicidade também está em mesa farta, comida saborosa. Talvez, nem sempre saudável, mas agradável ao paladar. Na minha casa gostamos disso e também fazemos questão de que quem amamos esteja conosco nesse momento de puro deleite.

Por isso não foi difícil reunir amigos e parentes em torna de nossa mesa. Nem para brindar o ano novo. E pedir que ele seja de prosperidade, saúde, amor, tranquilidade, compreensão e amizade. De união entre as pessoas.

Assim foi meu revéillon: de uma felicidade divertida e harmônica em torno do que mais gosto de fazer. Comer, beber, encantar e ser encantada. Feliz 2013 a todos. Que seja o ano dos justos e do amor, realmente. Que tenhamos saúde e sejamos felizes. De verdade!

Nenhum comentário: