quarta-feira, 13 de julho de 2011

Decisões

Minha mãe é uma figura. Perguntei-lhe como foi o seu terceiro parto, aquele que me trouxe ao Mundo e ela disse que não lembra. “Depois de 35 anos a gente esquece. Quantos anos tu tens mesmo?” Bom, se ela esquece a minha idade, o parto é o de menos...

Bom, não adianta nem forçar a memória por que eu não vou lembrar mesmo. Mas, demorado não deve ter sido. Então, essa minha lerdeza é genético mesmo. O problema é saber de qual dos dois herdei essa característica: se de pai ou de mãe.


Eu demoro, como sempre, pra tudo. Mas para tomar decisões é ainda pior. Porém, quando decido, elas são marcantes e, também, sempre para o meu bem estar físico e psíquico.

Mas antes disso vem a indecisão, afinal, tomar decisões dói. Talvez seja por que eu me apego demais aos sistemas, situações, pessoas, lugares, objetos... Talvez seja por medo do que me espera do outro lado. Medo... Quase sempre está presente nesse processo do Sim ou Não. No entanto, tem hora que não tem jeito. Tenho que optar - e faço.

É nessa fase que vem a parte boa. Assim que decido a felicidade me invade o corpo e as ideias e tudo fica mais claro. O céu de estrelas brilha mais intenso. O sol do inverno aquece como no verão. Meu sorriso fica largo. Meu sorriso chega mais rápido. E no outro dia, quando penso que tudo se tranquiliza: mais alegrias!

4 comentários:

Gabi Rosa disse...

O importante é decidir, independente do tempo q demore e do qto se sofra. E se der pra acrescentar felicidade ao resultado final a gente agradece! rs

Bjs Amada!
gabirosaflor.blogspot.com

Cintok disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Cintok disse...

Assim que vi o seu Blog percebi que segui-lo era uma boa idéia e agora acabei de confirmar ao ler esse primeiro post que acompanho por aqui!
Sou fã de Mulheres e de Mulheres Negras então mais ainda e você se encaixou perfeitamente nisso! Parabéns pelo seu cantinho e pela forma como escreve e pelas fotos lá em cima, que sorriso lindo hein Nega!

Tenho enorme dificuldade em tomar decisões, mas quando as tomo, voltar a atrás é mais difícil ainda! Fico muito feliz em decidir por algo principalmente pq em sua maioria sei que essas decisões são necessárias para a minha vida e para o desenrolar de diversas situações!
Adorei o último parágrafo do post!

Beijão e um ótimo Final de Semana pra Ti!
http://cintok.blogspot.com/

Anônimo disse...

hj 30° a sombra. bom para sentar em uma cadeira de gelo para refrescar a "querida".
estamos precisando ir urgente na "santana/ipiranga/perto do zaffari" (se é que me entendes).
só marcar....