quarta-feira, 1 de setembro de 2010

No céu astral



Daqui uma semana já estarei com 36 anos. E afora esse lance de preocupação com a idade – entenda envelhecimento precoce - cabelos brancos, rugas, e coisa e tal; atipicamente, esse ano não tive inferno astral. Ou pelo menos não senti. Diliça!

Talvez não tenha tido preocupações no período, nem incertezas, nem anseios, nem nada. Creio que nosso estado de espírito é que rege esse negócio de inferno astral. Só pode ser...

Não sei como será esse ano. Agora, aqui em casa, sou só há um de Virgem. O outro vai fazer festa no andar de cima. De certo terá pagode, churrasco e bebida a vontade. E nem vem com essa de coisa do capeta. Pecado é não comemorar aniversário.

Nenhum comentário: